Conheça o WE-Tools
14/09/2018

Inteligência artificial já é cotidiano dos consumidores

Nos dias 04 e 05 de setembro aconteceu o Conarec 2018, em São Paulo. O maior evento de relacionamento com o cliente do mundo abordou as novas tendências entre empresas e suas relações com o pós-consumidor. Falando pela experiência da Wittel no evento podemos afirmar: a inteligência artificial já deixou de ser um assunto distante do público e cada vez mais se consolida como uma realidade do dia a dia.

A nosso robô fez sucesso no evento e atraiu a atenção do público por um motivo muito simples: interação rápida e precisa. Foram centenas de contatos em que pudemos perceber o interesse não só de especialistas em contact center e tecnologia, mas do público em geral. A curiosidade em conhecer a comunicação de robôs humanizados dá espaço para a naturalidade na relação entre pessoas e sistemas automatizados.

Do caixa eletrônico à rede de fast food que permite que os clientes façam seus pedidos e pagamentos sem precisar de atendentes, a praticidade da automação é um caminho sem volta. Ao oferecer experiências inteligentes aos consumidores, as empresas se estabelecem nesta transformação digital. Para os clientes, os benefícios incluem a satisfação pelo atendimento ágil e relacionamento mais personalizado. Para as companhias, essas conexões se traduzem em dados valiosos.

Automação: inteligência é tão importante quanto estrutura

Somente adotar soluções tecnológicas para mostrar ao público que a empresa investe em tecnologia não é suficiente. Para garantir a otimização na jornada do consumidor e conquistar melhores resultados, a inteligência de negócios é fundamental. Do que adianta atrair interações e grande volume de dados sem ter análises precisas para fazer algo de útil com essas informações?

Para suprir essa necessidade, é essencial contar com inteligência aplicada aos serviços para conectar os objetivos da empresa ao uso das ferramentas. Ao mesmo tempo, é necessário monitorar as informações e o funcionamento das ferramentas para garantir o melhor desempenho e conquistar resultados concretos.

Até 2020, existe a previsão de que 85% das interações com o público seja por meio de inteligência artificial, segundo um estudo da Gartner. Com um público preparado e ansioso para interagir cada vez mais com inteligência e automação, cabe às empresas oferecerem melhores experiências. Afinal, o ganho dos consumidores é também das corporações: insights precisos que geram novas oportunidades e excelência no atendimento ao cliente.

Comentários

Destaques

Últimas Notícias